MINHA VIDA

MINHA VIDA
NOSSO MONTINHO PERFEITO

NOS ACOMPANHE!!!

Quantos passaram por aqui

terça-feira, 14 de maio de 2013

E DEPOIS DE TANTO VAI E VEM, ENTRA E SAI, SOZINHA!!!


Pois é, o famoso e eterno dilema das babás assombrando o meu blog, como sempre.
Não me lembro se comentei que em novembro do ano passado a Katia, aquela babá que estava comigo desde os 6 meses deles e que tinha ido embora, voltou pra me socorrer quando a Priscila saiu.
Como eu disse, ela veio apenas para me socorrer, até eu arrumar alguém. Porém, estava difícil encontrar alguém e ela acabou saindo no carnaval.
Logo que ela me deu a noticia, fiquei preocupada, pois minha mae estava com viagem marcada para aquela semana e meu marido nao poderia ficar aqui tb, mas rapidamente mudei de idéia. Pensei que nunca tinha encarado isso e nem tentado, para ver se eu seria capaz de ficar com os 4 sozinha, dar conta de tudo.
Percebi que eles estavam muito sem limites e teimosos e que talvez esse tempo seria mesmo necessario.
Realmente estava certa!
Sim! Eu sou capaz!!! Essa descoberta foi a melhor dos ultimos tempos, me libertei de uma dependencia que desenvolvi desde que descobri que estava gravida.
Bom, algum (pouco) tempo depois, tive que ceder e contratar uma nova babá, pois minha mãe não estava conseguindo me ajudar por muito tempo e pediu que eu contratasse.
Foi apenas mais uma que passou rapidamente por aqui, acho que menos de 15 dias, que não tinha A MENOR noção do trabalho, do que tinha que ser feito, do que é cuidar de uma criança (quem dirá de 4). Não entendo porque as pessoas se candidatam ao emprego se não conseguem fazer o trabalho.
Foi rápido e mais uma vez positivo. Ela saiu e eu fiquei TOTALMENTE sozinha. Minha mãe esta viajando, o marido tb esta fora trabalhando e eu estou com os 4. Resultado – por mais maluco que possa parecer, é mais calmo e mais organizado do que quando tenho ajuda, acreditam?
Por isso cada vez mais acredito que sim, nossos capazes de muito mais do que imaginamos e tentamos, basta precisarmos.
Até o momento as coisas estão sob controle, mas, por mehor que seja, admito que não vou poder ficar sozinha por muuuito tempo, porque acaba me prendendo muito.
A seguir cenas da próxima babá…