MINHA VIDA

MINHA VIDA
NOSSO MONTINHO PERFEITO

NOS ACOMPANHE!!!

Quantos passaram por aqui

segunda-feira, 14 de abril de 2014

QUERIDO PAPAI NOEL...

Esse ano o Natal teve outra cara, outro gosto e toda sua magia renovada!
Foi o ano que as crianças finalmente entenderam como funciona, quem é o Bom Velhinho e que o receberam em casa.
O ciclo da vida é realmente muito interessante! Quando já estamos começando a cansar desse corre-corre de natal, de comilança, de presentes e casa cheia o tempo todo (que, particularmente, eu sempre AMEI!), eis que nascem os nossos filhos e renovam todas as fantasias que vivemos!
Por eles e para eles, como foi e como é desde o resultado positivo! Rsrsrs
Organizei o Natal em casa, montamos uma árvore linda, enfeitamos tudo com muitos laços, muitas bolas, muito papai noel e muita vela, pra dar ainda mais alegria na casa.
As crianças passaram o mês inteiro encontrando papai noel na rua e no shopping, fazendo os mesmos pedidos e acreditando em toda a história linda do bom velhinho. Como eu não estava encontrando nenhum papai noel para passar em casa na noite do dia 24, um dia encontramos com um em uma loja e ele explicou (atendendo pedidos da mamãe) aos 4 que, talvez, não conseguisse passar aqui para dar os presentes pessoalmente, pois seriam muitas crianças do mundo todo!
Como meus filhos são absolutamente especiais, entenderam em aceitaram prontamente! Explicavam para todos que o papai noel não sabia se conseguiria passar aqui, pois tinha muita criança para atender, mas que traria os presentes! Ufa!
Mesmo assim, mãe é mãe e eu não podia desistir assim tão fácil. Eis que faço o convite para o Tio Ze (tio avô) e ele topa!!! Não só topou como ficou animado e levou super a sério a história. Ehehhe
Chegou a grande noite, os 4 arrumados subiram com o papai para brincar enquanto arrumávamos o Santa e o saco de presentes. De repente, eles ouvem o sino e descem correndo! Tudo certo como um conto de fadas!!!
O Papai noel entrando com o saco cheio, os olhos das crianças brilhando, desacreditando que aquilo realmente estava acontecendo.
Presentes entregues, fotos, beijos, abracos e muita emoção, começam as perguntas de crianças:
-       “cade seu trenó?”
-       “cade seu doende?”
-       “vc não vain as outras crianças? Como veio aqui se não ia poder?”
-       “vc não trouxe nenhum presente pra mamae?”
-       “vc que fez esse presente?”
Depois de conseguir se esquivar das perguntas, hora de ir embora! Tio Zé  se troca escondido no lavabo e volta pra casa. Os 4 desesperados correndo pra contar que o papai noel tinha passado e ele tinha perdido, eis que 2 encontram a roupa do papai noel e o sino! Ops!
E la vem uma nova onda de perguntas e muita criatividade para manter esse sonho por mais alguns aninhos!
Natal feliz, natal em familia, sonho de criança, mais uma missão cumprida!